Saneamento e Doenças de Veiculação Hídrica – ano base 2019

Foto da home: Agência Brasil

O Instituto Trata Brasil divulga um novo estudo: “Saneamento e Doenças de Veiculação Hídrica – ano base 2019”. O estudo foi feito a partir de dados públicos do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) e o DATASUS, portal do Ministério da Saúde que acompanha os registros de internações, óbitos e outras ocorrências relacionadas à saúde da população do Brasil

Indicadores do estudo apontam que mesmo um ano antes da Covid-19 começar no Brasil, a ausência de saneamento básico já sobrecarregava o sistema de saúde com 273.403 internações por doenças de veiculação hídrica – um aumento de 30 mil hospitalizações comparativamente ao ano anterior. A incidência foi de 13,01 casos por 10 mil habitantes gerando gastos ao país de R$ 108 milhões, segundo o DataSUS.

Detalhes do Estudo

 

Por Instituto Trata Brasil 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*